TRATAMENTOS

Ortodontia

Você sabia que para realinhar dentes tortos já não é mais preciso desfilar com um sorriso metálico por aí?

A ortodontia está em rápida e constante evolução, sempre pensando no conforto e na estética do paciente. Hoje em dia existem diferentes tipos de aparelhos ortodônticos para restabelecer dentes desalinhados e tortos. Inclusive, opções de aparelho invisível ou transparente.

E essas alternativas não são assim tão novas, mas recentemente têm sido cada vez mais procuradas por oferecer uma melhor estética.

Tipos de aparelho ortodôntico

Aparelho Fixo
Cada vez mais anatômico e confortável para a boca, o aparelho fixo permite movimentos mais precisos do dente.

É formado por braquetes, colados ao dente com cimento ou substância adesiva ou cimento. Possui também anéis e tubos que seguram o fio metálico, responsável por mover gradualmente o dente para a posição correta.

Como não podem ser removidos da boca, não necessita o apoio do paciente para alcançar resultados efetivos. Porém exige uma atenção maior na hora da higienização bucal.

Além do modelo mais conhecido, com as borrachinhas coloridas, ainda existem outras opções:

  • Aparelhos ortodônticos autoligados: os braquetes são mais modernos e dispensam o uso das borrachinhas. Possui uma “portinha” que dá sustentação ao fio e deixa-o ativo por mais tempo. Essa característica acelera o resultado do tratamento e diminui o número de visitas ao consultório.
  • Aparelho estético transparente: tem sido a opção mais popular entre os adultos, já que os braquetes são feitos com material translúcido. Além de ser muito discreto, proporciona uma estética melhor ao paciente.
  • Aparelho lingual: mais uma opção de aparelho ortodôntico discreto. Nesse modelo, os braquetes são fixados na parte de trás dos dentes (na face lingual). É considerado o aparelho mais invisível, mas pode causar um pouco de estranheza e desconforto no início. O tempo e os resultados não diferem dos demais aparelhos.

Aparelho móvel: é indicado quando é necessário realizar apenas pequenos movimentos. Muito usado em tratamento de crianças, para adequar a arcada antes da colocação dos aparelhos fixos. É necessária o apoio do paciente, já que ficar sem usar pode comprometer o resultado de todo o tratamento.

Alinhador transparente: é uma alternativa aos aparelhos fixos, para quem não quer, ou não pode, ter braquetes colados ao dente. A placa é removível, feita de material totalmente transparente e no formato exato da arcada dentária do paciente. Dessa forma, o encaixe ocorre perfeitamente, ficando praticamente imperceptível.
Assim como os aparelhos móveis, necessita da cooperação do paciente para que os resultados sejam eficientes.

Aparelho de contenção: tem a funcionalidade de manter os dentes na posição correta, após a finalização do tratamento ortodôntico. Pode ser do tipo móvel ou fixo (colado no dente).

Expansor palatino: promove o aumento na largura do céu da boca, sendo muito indicado para consertar problemas de mordida cruzada. Ou seja, quando a arcada superior é mais estreita em relação à inferior. Tem uma taxa de sucesso maior em crianças e jovens.

Benefícios do tratamento

O tratamento ortodôntico tem o objetivo de restabelecer a oclusão dentária, ou seja, a forma como os dentes estão alinhados e se encaixam entre si. É fundamental para

  • Garantir uma mastigação correta
  • Evitar problemas de respiração, fala, deglutição e ATM (temporomandibular)
  • Facilitar a limpeza
  • Evitar doenças periodontais
  • Evitar estresse dos músculos da mastigação que pode causar dores de cabeça e dores na região do pescoço, ombros e costas
  • Melhorar a aparência

E não existe idade contraindicada para iniciar o tratamento.
Então, se você acha que precisa usar um aparelho ortodôntico, Agende sua avaliação, converse com nosso profissional.