TRATAMENTOS

Próteses Dentárias

Perder um dente pode prejudicar bastante a estética do sorriso, mas não é só isso! Essa falta também pode comprometer seriamente o equilíbrio da arcada dentária, afetando negativamente a mastigação e a fala.

Por isso, quando uma perda acontece, o ideal é fazer uma consulta ao dentista o mais rápido possível. Substituir os dentes que estão faltando. É fundamental substituir os dentes que estão faltando e impedir que a movimentação dos dentes que ficaram provoque problemas bucais.

As próteses dentárias são aparelhos utilizados para substituir um ou mais dentes faltantes, podendo, inclusive substituir todos os dentes. Existem diferentes tipos de próteses dentárias que são classificadas como: totais (dentaduras) ou parciais, fixas ou removíveis.

Todo planejamento e a escolha da prótese dentária mais adequada é uma decisão feita pelo dentista. Mas leva em consideração o número de dentes a ser substituído, o desejo da paciente e da disponibilidade financeira.

Quem dá preferência para a estética e o conforto, a prótese mais indicada é a fixa. Mas se a necessidade é reduzir custos, deve-se optar pela removível, pois o preço dessa prótese dentária é mais barata.

Próteses fixas

Conhecida como “coroa” ou “ponte”, essa prótese é unitária. Indicada quando um dente, por exemplo, é destruído por uma cárie em estado agravado.

  • Coroa dentária: é uma espécie de capa que tem como objetivo refazer a coroa natural do dente que foi parcialmente destruído. Para isso, é necessário que o dente  ainda tenha uma parte da sua estrutura, onde será cimentada a coroa. Quando essa parte não existe, a coroa pode ser aparafusada a um implante dentário.
  • Ponte dentária: substitui um ou mais dentes. Quando colocada, apoia-se em dentes que ficam ao lado do espaço sem dente ou fica presa ao implante que lhe serve de suporte.

Próteses removíveis

  • Prótese parcial removível: é uma prótese feita, normalmente, em acrílico, mas também pode ter a base em nylon, silicone ou parcialmente metálica. É indicado para substituir um ou mais dentes, mas não todos.

Não é preciso extrair um dente ou fazer qualquer desgaste nos dentes que sobraram e a manutenção é bem fácil. Ela é presa com grampo e sela, que oferecem conforto e segurança. E garantem que a prótese não caia com a movimentação da boca.

  • Prótese total removível: a famosa dentadura é a opção indicada para quem perdeu todos os dentes ou grande parte deles. Para tanto, é produzida uma estrutura móvel com dentes de acrílico, seguindo o tamanho, o formato e a cor do dente natural do paciente.

Também é de fácil instalação e garante segurança em relação à fixação na boca. Ou seja, as chances de queda e perda da prótese, enquanto estiver na boca, são mínimas. Apenas a higienização que demanda um pouco mais de cuidado.

Agende sua avaliação, converse com nosso profissional e conheça a melhor opção de prótese para o seu caso.